<xmp> <noscript><xmp> <body><!--'"</title></head>--> <script type="text/javascript"> //OwnerIQ var __oiq_pct = 50; if( __oiq_pct>=100 || Math.floor(Math.random()*100/(100-__oiq_pct)) > 0 ) { var _oiqq = _oiqq || []; _oiqq.push(['oiq_addPageBrand','Lycos']); _oiqq.push(['oiq_addPageCat','Internet > Websites']); _oiqq.push(['oiq_addPageLifecycle','Intend']); _oiqq.push(['oiq_doTag']); (function() { var oiq = document.createElement('script'); oiq.type = 'text/javascript'; oiq.async = true; oiq.src = document.location.protocol + '//px.owneriq.net/stas/s/lycosn.js'; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(oiq, s); })(); } //Google Analytics var _gaq = _gaq || []; _gaq.push(['_setAccount','UA-21402695-19']); _gaq.push(['_setDomainName','tripod.com']); _gaq.push(['_setCustomVar',1,'member_name','insidesmallville',3]); _gaq.push(['_trackPageview']); (function() { var ga = document.createElement('script'); ga.type = 'text/javascript'; ga.async = true; ga.src = ('https:' == document.location.protocol ? 'https://ssl' : 'http://www') + '.google-analytics.com/ga.js'; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(ga, s); })(); //Lycos Init function getReferrer() { var all= this.document.cookie; if (all== '') return false; var cookie_name = 'REFERRER='; var start = all.lastIndexOf(cookie_name); if (start == -1) return false; start += cookie_name.length; var end = all.indexOf(';', start); if (end == -1) end = all.length; return all.substring(start, end); } function getQuery() { var rfr = getReferrer(); if (rfr == '') return false; var q = extractQuery(rfr, 'yahoo.com', 'p='); if (q) return q; q = extractQuery(rfr, '', 'q='); return q ? q : ""; } function extractQuery(full, site, q_param) { var start = full.lastIndexOf(site); if (start == -1) return false; start = full.lastIndexOf(q_param); if (start == -1) return false; start += q_param.length; var end = full.indexOf('&', start); if (end == -1) end = full.length; return unescape(full.substring(start, end)).split(" ").join("+"); } function generateHref(atag, template){ atag.href=template.replace('_MYURL_', window.location.href.replace('http://', '')).replace('_MYTITLE_','Check%20out%20this%20Tripod%20Member%20site!'); } var lycos_ad = Array(); var lycos_onload_timer; var cm_role = "live"; var cm_host = "tripod.lycos.com"; var cm_taxid = "/memberembedded"; var tripod_member_name = "insidesmallville"; var tripod_member_page = "insidesmallville/origens.html"; var tripod_ratings_hash = "1495756233:829888f6ce90afc6feed55e0e4077f02"; var lycos_ad_category = null; var lycos_ad_remote_addr = "54.224.137.45"; var lycos_ad_www_server = "www.tripod.lycos.com"; var lycos_ad_track_small = "http://members.tripod.com/adm/img/common/ot_smallframe.gif?rand=238256"; var lycos_ad_track_served = "http://members.tripod.com/adm/img/common/ot_adserved.gif?rand=238256"; var lycos_search_query = getQuery(); </script> <script type="text/javascript" src="http://scripts.lycos.com/catman/init.js"></script> <script type='text/javascript'> var googletag = googletag || {}; googletag.cmd = googletag.cmd || []; (function() { var gads = document.createElement('script'); gads.async = true; gads.type = 'text/javascript'; var useSSL = 'https:' == document.location.protocol; gads.src = (useSSL ? 'https:' : 'http:') + '//www.googletagservices.com/tag/js/gpt.js'; var node = document.getElementsByTagName('script')[0]; node.parentNode.insertBefore(gads, node); })(); </script> <script type='text/javascript'> googletag.cmd.push(function() { googletag.defineSlot('/95963596/TRI_300X250_dfp', [300, 250], 'div-gpt-ad-1450204159126-0').addService(googletag.pubads()); googletag.defineSlot('/95963596/TRI_above_728x90_dfp', [728, 90], 'div-gpt-ad-1450204159126-1').addService(googletag.pubads()); googletag.defineSlot('/95963596/TRI_below_728x90_dfp', [728, 90], 'div-gpt-ad-1450204159126-2').addService(googletag.pubads()); googletag.pubads().enableSingleRequest(); googletag.enableServices(); }); </script> <script type="text/javascript"> (function(isV) { if( !isV ) { return; } var adMgr = new AdManager(); var lycos_prod_set = adMgr.chooseProductSet(); var slots = ["leaderboard", "leaderboard2", "toolbar_image", "toolbar_text", "smallbox", "top_promo", "footer2", "slider"]; var adCat = this.lycos_ad_category; adMgr.setForcedParam('page', (adCat && adCat.dmoz) ? adCat.dmoz : 'member'); if (this.lycos_search_query) { adMgr.setForcedParam("keyword", this.lycos_search_query); } else if(adCat && adCat.find_what) { adMgr.setForcedParam('keyword', adCat.find_what); } for (var s in slots) { var slot = slots[s]; if (adMgr.isSlotAvailable(slot)) { this.lycos_ad[slot] = adMgr.getSlot(slot); } } adMgr.renderHeader(); adMgr.renderFooter(); }((function() { var w = 0, h = 0, minimumThreshold = 300; if (top == self) { return true; } if (typeof(window.innerWidth) == 'number' ) { w = window.innerWidth; h = window.innerHeight; } else if (document.documentElement && (document.documentElement.clientWidth || document.documentElement.clientHeight)) { w = document.documentElement.clientWidth; h = document.documentElement.clientHeight; } else if (document.body && (document.body.clientWidth || document.body.clientHeight)) { w = document.body.clientWidth; h = document.body.clientHeight; } return ((w > minimumThreshold) && (h > minimumThreshold)); }()))); window.onload = function() { var f = document.getElementById("FooterAd"); var b = document.getElementsByTagName("body")[0]; b.appendChild(f); f.style.display = "block"; document.getElementById('lycosFooterAdiFrame').src = '/adm/ad/footerAd.iframe.html'; // DOM Inj Ad (function(isTrellix) { var e = document.createElement('iframe'); e.style.border = '0'; e.style.margin = 0; e.style.display = 'block'; e.style.cssFloat = 'right'; e.style.height = '254px'; e.style.overflow = 'hidden'; e.style.padding = 0; e.style.width = '300px'; var isBlokedByDomain = function( href ) { var blockedDomains = [ "ananyaporn13000.tripod.com", "xxxpornxxx.tripod.com" ]; var flag = false; for( var i=0; i<blockedDomains.length; i++ ) { if( href.search( blockedDomains[ i ] ) >= 0 ) { flag = true; } } return flag; } var getMetaContent = function( metaName ) { var metas = document.getElementsByTagName('meta'); for (i=0; i<metas.length; i++) { if( metas[i].getAttribute("name") == metaName ) { return metas[i].getAttribute("content"); } } return false; } var getCommentNodes = function(regexPattern) { var nodes = {}; var nodesA = []; var preferredNodesList = ['a', 'c', 'b']; (function getNodesThatHaveComments(n, pattern) { if (n.hasChildNodes()) { if (n.tagName === 'IFRAME') { return false; } for (var i = 0; i < n.childNodes.length; i++) { if ((n.childNodes[i].nodeType === 8) && (pattern.test(n.childNodes[i].nodeValue))) { var areaName = pattern.exec(n.childNodes[i].nodeValue)[1]; nodes[areaName] = n; } else if (n.childNodes[i].nodeType === 1) { getNodesThatHaveComments(n.childNodes[i], pattern); } } } }(document.body, regexPattern)); for (var i in preferredNodesList) { if (nodes[preferredNodesList[i]]) { if( isTrellix && nodes[preferredNodesList[i]].parentNode.parentNode.parentNode.parentNode ) { nodesA.push(nodes[preferredNodesList[i]].parentNode.parentNode.parentNode.parentNode); } else { nodesA.push( nodes[preferredNodesList[i]] ); } } } return nodesA; } var properNode = null; var areaNodes = getCommentNodes( new RegExp( '^area Type="area_(\\w+)"' ) ); for (var i = 0; i < areaNodes.length; i++) { var a = parseInt(getComputedStyle(areaNodes[i]).width); if ((a >= 300) && (a <= 400)) { properNode = areaNodes[i]; break; } } var propertyName = getMetaContent("property") || false; if( isTrellix && (properNode) ) { e.src = '/adm/ad/injectAd.iframe.html'; properNode.insertBefore(e, properNode.firstChild); } else if( isTrellix && !( properNode ) ) // Slap the ad eventhought there is no alocated slot { e.src = '/adm/ad/injectAd.iframe.html'; e.style.cssFloat = 'none'; var cdiv = document.createElement('div'); cdiv.style = "width:300px;margin:10px auto;"; cdiv.appendChild( e ); b.insertBefore(cdiv, b.lastChild); } else if( !isBlokedByDomain( location.href ) ) { var injF = document.createElement('iframe'); injF.style.border = '0'; injF.style.margin = 0; injF.style.display = 'block'; injF.style.cssFloat = 'none'; injF.style.height = '254px'; injF.style.overflow = 'hidden'; injF.style.padding = 0; injF.style.width = '300px'; injF.src = '/adm/ad/injectAd.iframe.html'; if( b && ( !isTrellix || ( typeof isTrellix == "undefined" ) ) ) // All other tripod props { var cdiv = document.createElement('div'); cdiv.style = "width:300px;margin:10px auto;"; cdiv.appendChild( injF ); b.insertBefore(cdiv, b.lastChild); } } }( document.isTrellix )); } </script> <div id="tb_container" style="background:#DFDCCF; border-bottom:1px solid #393939; position:relative; z-index:999999999!important"> <!--form name="search" onSubmit="return searchit()" id='header_search' > <input type="text" placeholder="Search" size=30 name="search2" value=""> <input type="button" value="Go!" onClick="searchit()"> </form> <style> form#header_search { width: 916px; margin: 0 auto 8px; position: relative; } form#header_search input { height: 40px; font-size: 14px; line-height: 40px; padding: 0 8px; box-sizing: border-box; background: #F4F2E9; border: 1px solid #BBB8B8; transition: background-color 300ms ease-out, color 300ms ease; } form#header_search input[type="text"] { width: 100%; } form#header_search input[type="text"]:focus { border-color: #A2D054; background-color: #fff; box-shadow: 0 0px 12px -4px #A2D054; } form#header_search input[type="button"] { position: absolute; top: 1px; right: 1px; opacity: 1; background: #DFDCCF; color: #463734; width: 125px; cursor: pointer; height: 38px; border: none; } form#header_search input[type="text"]:focus ~ input[type='button']:hover, form#header_search input[type='button']:hover { background-color: #A5CE56; color: #fff; } form#header_search input[type="text"]:focus ~ input[type='button'] { background-color: #52AEDF; color: #fff; } </style> <script> function searchit(){ // determine environment var search_env if (lycos_ad_www_server.indexOf(".pd.") > -1) { search_env = 'http://search51.pd.lycos.com/a/'; } else if (lycos_ad_www_server.indexOf(".qa.") > -1) { search_env = 'http://search51.qa.lycos.com/a/'; } else { search_env = 'http://search51.lycos.com/a/'; } var search_term = encodeURIComponent(document.search.search2.value) var search_url = search_env+search_term; window.open(search_url); return false } </script--> <style> .adCenterClass{margin:0 auto} </style> <div id="tb_ad" class="adCenterClass" style="display:block!important; overflow:hidden; width:916px;"> <a href="http://adtrack.ministerial5.com/clicknew/?a=637394" title="build your own website at Tripod.com" style="float:left; width:186px; border:0"> <img src="http://ly.lygo.com/ly/tpSite/images/freeAd2.jpg" alt="Make your own free website on Tripod.com" style="border:0; display:block" /> </a> <div id="ad_container" style="display:block!important; float:left; width:728px "> <script type="text/javascript">document.write(lycos_ad['leaderboard']);</script> </div> </div> </div> <script type="text/javascript">document.write(lycos_ad['slider']);</script> <!-- added 7/22 --> <div id="FooterAd" style="background:#DFDCCF; border-top:1px solid #393939; clear:both; display:none; width:100%!important; position:relative; z-index:999999!important; height:90px!important"> <div class="adCenterClass" style="display:block!important; overflow:hidden; width:916px;"> <a href="http://adtrack.ministerial5.com/clicknew/?a=637394" title="build your own website at Tripod.com" style="float:left; display:block; width:186px; border:0"> <img src="http://ly.lygo.com/ly/tpSite/images/freeAd2.jpg" alt="Make your own free website on Tripod.com" style="border:0; display:block; " /> </a> <div id="footerAd_container" style="display:block!important; float:left; width:728px"> <iframe id="lycosFooterAdiFrame" style="border:0; display:block; float:left; height:96px; overflow:hidden; padding:0; width:750px"></iframe> </div> </div> </div> </xmp></noscript>

 

As origens do Superman


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Kal-El)

 

Índice

Superman

     • Era de Ouro

     • Era de Prata

     • Era Atual

Poderes

Poderes através das encarnações do herói

Poderes banidos

O alter-ego

Superman ou Super-Homem?

Kal-el

Kryptonita

Amigos

Inimigos

Superman


 

       Superman ou Super-Homem é um super-herói em quadrinhos,  criado por Joe Shuster e Jerry Siegel que estreou na revista Action Comics #1 em 1938 nos Estados Unidos. Superman nasceu Kal-El (que significa Filho das Estrelas em kryptonês) ,  no planeta Krypton,  e foi mandado a Terra por Jor-El,  seu pai,  cientista,  momentos antes do planeta explodir.  O foguete aterrisou na Terra na cidade de Smallville (Pequenópolis) ,  onde o jovem Kal-El foi descoberto por Jonathan e Martha Kent.  Conforme foi crescendo,  ele descobriu que tinha poderes diferentes dos humanos normais.  Quando não está lutando contra o mal,  ele vive como Clark Kent,  repórter do Planeta Diário (Estrela Diária em Portugal) .  Clark trabalha com Lois Lane,  com quem teve um romance e hoje estão casados.
        Superman o primeiro herói em quadrinhos a ter uma revista própria com seu nome Superman n#1 publicada no verão de 1939,  é um dos mais importantes personagens da cultura pop ocidental tendo tido mais de 11 títulos periódicos de quadrinhos diferentes nos Estados Unidos; 5 filmes; 2 séries de cinema; 5 séries de televisão; 6 séries de desenho animado; um programa de rádio; um musical e um infindável número de produtos vendidos com sua marca desde a brinquedos a alimentos.  Surgido na chamada Era de Ouro dos quadrinhos (1938-1950) ,  era que deu início e é o maior representante,  é um personagem que em seu caráter moral e poderes influenciou todos os quadrinhos da Era de OuroEra de Prata(1950-1970)  e Era de Bronze (1970-1986) .
        No final da década de 60,  com a queda das vendas,  o então editor das revistas do herói,  Mort Weisinger,  foi afastado e substituído por Julius Schwartz.  Schwartz,  juntamente com roteiristas como Denny O'Neil,  Cary Bates e Elliot S! Maggin,  promoveu uma ampla revolução,  com alterações que tentavam afastar a repetitividade das histórias do herói.  Assim,  Clark Kent deixou de trabalhar no jornal Planeta Diário e tornou-se âncora de um telejornal,  trabalhando na TV Galáxia,  onde foram introduzidos novos personagens como Morgan Edge e Steve Lombard.  Outras alterações importantes introduzidas foram o fim da famosa kryptonita e a introdução de novos vilões,  como Terra-Man.

 

As habilidades e relacionamentos do Superman foram mudando ligeiramente com o tempo.  Editores e escritores usaram o processo de continuidade retroativa,  para ajustar as mudanças na cultura popular,  eliminar restrições nas histórias,  e permitir histórias contemporâneas.  Estas mudanças,  quando significativas,  permitem reter os elementos essenciais que fazem do Superman um ícone.

 

Era de Ouro


        Este personagem também conhecido como Superman 1 ou Superman da Terra 2,  teoricamente apareceu pela primeira vez na Action Comics 1,  ainda que como tal foi criado em Justice League of America 73 junto a outras versões dos heróis mais populares da Era de Ouro,  esta criação se deve à descoberta da Terra 2,  onde os heróis da Era de Ouro viviam e já que o Superman havia tido muitas histórias nessa época,  se resolveu por criar esta versão.

Na história original da Era de Ouro,  como também em Origens Secretas,  o notável cientista Jor-El descobriu que seu planeta Krypton está prestes a explodir,  e tenta inutilmente convencer os outros kryptonianos a se salvarem.  Entretanto,  ele planeja construir uma espaçonave para salvar seu filho,  Kal-El.  A nave é lançada e o planeta explode,  com Kal-El chegando a Terra na época da Primeira Guerra Mundial,  sua aterrissagem é assistida por um casal que passava de carro,  John e Mary Kent.  O casal deixa a criança num orfanato,  mas logo retorna para adotar a criança,  chamando-a de Clark.

Clark cresce com uma infância simples na fazenda da família Kent,  em Smallville,  Kansas,  aos poucos descobrindo que possui vários superpoderes,  mas sem saber de sua origem Kryptoniana.  Após a morte de seu pai,  Clark decide usar seus poderes para benefício da humanidade,  usando um uniforme feito por sua mãe e se mudando para Metropolis.  Onde tenta emprego no Planeta Diário,  quando este lhe foi negado,  ele decide provar suas habilidades como repórter,  cobrindo a história de Evelyn Curry condenada à morte por um assassinato.  Kent descobriu que esta mulher era inocente e como Superman descobriu o verdadeiro culpado,  salvando a vida de Evelyn; isto lhe deu fama nacional como Superman e ao entregar a história foi aceito como repórter no Planeta Diário.  Eventualmente,  os poderes do Superman aumentaram durante a década de 40 em relação a suas primeiras aparições,  incluindo grandes incrementos em sua superforça e ganhando a habilidade de voar [ no começo,  Superman podia dar apenas grandes saltos].  Em Superman (volume 1)  #61,  (1949)  Superman finalmente descobre a existência de Krypton.

Durante os anos 40,  Superman tornou-se membro honorário da Sociedade da Justiça,  embora tenha participado apenas em 2 vezes nas histórias da Era de Ouro original (All-Star Comics #8 e #36) .

Clark Kent se casou com Lois Lane da Terra 2,  a qual,  durante a lua-de-mel,  suspeitou que Clark Kent era Superman.  Para confirmá-lo tentou cortar seu cabelo,  quando a tesoura se quebrou se deu conta da verdadeira identidade de seu esposo,  e ainda que lhe duvidou por um momento finalmente se deu conta de que lhe amava e renovaram seus votos matrimoniais.

Clark Kent também virou chefe do Planeta Diário ganhando o posto de Perry White da Terra 2.

Durante a Crise nas Terras Infinitas,  o Superman da Terra 2 se converteu em um dos protagonitas,  no objetivo de evitar que Anti-Monitor destruísse o Multiverso,  ele e muitos outros heróis viajaram ao início do tempo,  ali a batalha provocou uma mudança na continuidade espaço-tempo-dimensional do Universo e em vez de um multiverso só existiu um,  toda a história do Superman original nunca ocorreu neste novo Universo e a única razão pela qual ele sobreviveu foi porque ele se encontrava no início do tempo quando a mudança ocorreu.  Durante a batalha final contra Anti-monitor,  Superman ficou no Universo de anti-matéria para assegurar que este vilão morrera,  aí,  Alexander Luthor,  único sobrevivente de Terra 3,  revelou que havia salvo a vida de Lois Lane da Terra 2 e sabendo que nunca poderiam regressar ao Universo Normal os 3,  junto ao Superboy de Terra Um se transportaram a outra dimensão onde poderiam passar tranqüilamente o resto da eternidade.

Para maiores informações sobre esta versão,  consulte o verbete Superman da Terra 2.

 

Era de Prata


        Na versão dos anos 60,  Superman nasceu em Krypton,  sendo filho do cientista e líder Jor-El.  Quando Kal-EL tinha aproximadamente 2 ou 3 anos,  Jor-El descobriu que o planeta Krypton estava condenado a explodir,  e chamou a atenção dos líderes de seu planeta,  o Conselho da Ciência.  Mas não acreditaram nele,  e se negaram a advertir o perigo ao resto dos cidadãos de Krypton,  proibindo-lhe de fazer o mesmo,  para evitar que causasse pânico.  Jor-El prometeu que nem ele nem sua esposa abandonariam Krypton,  e decidiu usar o tempo que restava para salvar seu filho.  Momentos antes da explosão do planeta,  lançou Kal-El rumo a Terra,  sabendo que a baixa gravidade da Terra,  e seu Sol amarelo lhe dariam extraordinários poderes.

Superman tem uma única fraqueza notável.  Seu sangue foi afetado pela alta carga negativa dos íons do núcleo de Krypton,  que foi exatamente a radiação responsável pela destruição do planeta.  Os fragmentos radioativos do planeta,  composto pelo mineral chamado kryptonita,  foram lançados ao espaço pela explosão.  Geralmente,  aparece sob a forma de cristal verde,  mas existem também variedades vermelhas e negras,  que tem propriedades diferentes.

A nave de Kal-El aterrissou em um campo perto de Smallville,  e foi descoberta por Jonathan e Marta Kent.  Eles o chamaram de Clark.

Com o tempo,  Clark descobriu o bem que poderia realizar com seus poderes,  e começou a treinar para usá-los com sabedoria.  Aos oito anos adotava a identidade de Superboy para combater o crime.  Com esta identidade,  foi membro fundador da Legião de Super-Heróis.  Depois do colegial,  Clark mudou-se para Metrópolis para estudar na faculdade.  Durante estes anos mudou o nome do super-herói para Superman.  Depois da graduação como jornalista é contratado para repórter do Planeta Diário.

Em 1971,  a Galaxy Broadcasting System e seu presidente,  Morgan Edge,  compraram o Planeta Diário,  com Edge em seguida nomeando Clark Kent como âncora chefe da estação de televisão de Metrópolis WGBS-TV.

Esta versão do Superman foi retirada em 1986 depois da alteração da continuidade causada pela minissérie Crise nas Terras Infinitas.


Era Atual


        Filho de Jor-El e de Lara,  Kal-El é o último sobrevivente do planeta Krypton.  Ao perceber que o planeta seria destruído,  Jor-El colocou seu filho em uma nave que seguiria em direção à Terra.  Eles,  os pais biológicos,  foram proibidos de sair do planeta pelos membros do Conselho Kryptoniano que julgavam infundadas as previsões de Jor-El.  A nave caiu na cidade de Smallville (Pequenópolis,  na versão brasileira da história em quadrinhos)  e o bebê foi adotado por Jonathan e Martha Kent e criado com o nome de Clark Kent.

Ao atingir a idade adulta,  Clark mudou-se para Metrópolis,  onde passou a trabalhar como réporter no Planeta Diário,  um grande jornal metropolitano,  e iniciou um relacionamento com sua companheira de trabalho,  Lois Lane.  Para combater o crime e preservar sua vida civil,  ele adotou o nome Superman,  usando um uniforme azul e vermelho com um símbolo S estilizado.

 

Poderes


        A suposta origem dos poderes do Super-Homem é o Sol amarelo da Terra.  Em Krypton o astro é vermelho,  e essa diferença de freqüência eletromagnética entre ambos os astros faria com que,  de alguma forma,  as células do corpo de Kal-El fossem "carregadas" como verdadeiras baterias vivas.

A quantidade e nível dos poderes do Homem de Aço tem flutuado consideravelmente em seus mais de 60 anos de existência.  Mas em todas as suas versões,  sempre foram presentes os seguintes poderes:

Super-força:  O Superman possui uma força quase infinita,  superior a de qualquer outro super-herói.  Sua força no começo também não era tão descomunal,  ele só levantava um avião.  Conforme diversos artistas foram lidando com o herói,  sua força foi aumentando a níveis espetaculares.  No pré-Crise,  foi estatizado pelo Dc Heroes RPG que ele tinha força equivalente a 240. 000. 000. 000. 000 de toneladas,  suficiente para jogar bola de gude com o Monte Evereste.  Se muito forçar-se,  ele era capaz de retirar um planeta de órbita. . .  Entretanto,  no período de John Byrne,  a força de Superman foi bem mais reduzida.  Fichas de Dc Heroes deste período afirmam que a força dele era equivalente a 800. 000 toneladas.  Na recente All-Star Superman (ainda sendo publicada nos EUA),  ele teria força suficiente para erguer mais de 200 quintilhões de toneladas,  mas o cientista que fez o teste disse que não havia aparelhos na Terra que pudessem calcular a real extensão.

Super velocidade:  Isto inclui não só mover-se depressa,  mas enxergar o mundo como estivesse em camera lenta,  podendo enxergar a trajetória de balas e objetos muito rápidos e pega-los com as mãos.  Superman também pode voar em volta da Terra a ponto de fazer o planeta girar ao contrário e voltar no tempo,  como foi mostrado em Superman- o filme.  No pré-Crise,  ele tinha velocidade suficiente para rivalizar com The Flash/Barry Allen.  Atualmente,  sua supervelocidade,  correndo,  é equivalente ao de The Flash/Wally West,  mas voando é superior.

Invulnerabilidade:  O Superman é invulnerável a tudo,  exceto a kriptonita.  Sua invulnerabilidade tinha níveis mais baixos.  Era dito:  "Nada mais poderoso que uma bala de canhão pode atravessar sua pele invulnerável".  Ora,  dois anos depois,  na Segunda Guerra,  ele já peitava balas de canhão.  Ao fim da guerra,  podia sobreviver a uma detonação nuclear.  A pele de Superman é resistente o bastante para suportar armas nucleares sem muito dano.  A explicação de John Byrne é que a energia solar estocada em seu corpo produz uma aura que protege seu corpo,  bem como objetos e roupas ajustadas.  Deste modo,  o uniforme do Super é atualmente tecido comum,  que ao entrar em contato com a pele do Superman,  torna-se extremamente resistente.  O mesmo não se pode dizer sobre a capa,  que pode rasgar.  Durante a mini-série Lendas,  foi mostrado que esta aura também podia diminuir sujeira que se impregnasse no corpo do herói,  mas nunca mais se falou sobre isso.  Sua resistência também é tal que ele pode permanecer dias sem precisar de água,  comida ou descanso.

 

Poderes através das encarnações do herói

São eles:



Visão de raio-x:  pode enxergar através de pessoas e de objetos sólidos,  com exceção do chumbo.  Com esse poder Superman pode ver as imagens nitidamente ou em forma de raio-x,  podendo com esse último enxergar fraturas em pessoas,  por exemplo.

 

Visão telescópica:  pode enxergar o que ocorre a grandes distâncias.

 

Visão térmica:  permite ver padrões de calor.  Superman pode ver o espectro eletromagnético,  o que inclui o infra-vermelho e o ultra-violeta,  permitindo-lhe enxergar durante a noite.

Visão de calor:  o herói consegue emanar feixes de luz pelas retinas que aquecem materiais resistentes a ponto de derretê-los.

Visão Microscópica:  o herói pode enxergar coisas extremamente pequenas e que não podem ser vistas a olho nu.  Ele pode associar a Visão microscópica a Visão Telescópica,  e poder enxergar objetos muito pequenos a grandes distâncias.  Certa vez,  Químio conseguiu transformar-se em um Superman gigante.  Superman observou ao longe associando visões telescópica e microscópica que Químio havia copiado quimicamente as células mortas do corpo do herói (sim,  pois todos nós perdemos várias células ao longo do dia,  até Superman) .  O Homem de Aço calculou então que poderia detê-lo por isola-lo da luz do sol,  uma vez que Químio não conseguia armazenar a energia do sol,  somente usa-la diretamente,  ao contrário do kryptoniano.

Super-audição:  permite ouvir sons a kilometros de distancia,  consegue distinguir a origem exata dum som,  e ouvir sons que não são audíveis por seres humanos (como ondas de radar e apitos para cão)

Super-folêgo:  Superman já provou por várias vezes conseguir manter seu fôlego por várias horas a fim de viajar no vácuo do espaço e embaixo d'água.

Vôo:  No começo,  ele não voava,  apenas dava pulos mais altos que um arranha-céu (apenas. . . ) ,  mas logo tornou-se capaz de desafiar a gravidade e literalmente voar.  No pré-Crise,  ele podia voar tão rápido que poderia cruzar as distâncias entre galáxias,  e até mesmo quebrar a barreira do tempo e das dimensões.  Atualmente,  ele "apenas" atinge a velocidade da luz.

Super sopro:  por usar os poderosos pulmões,  ele consegue soprar ar em velocidades que parecem um efeito especial do filme "Twister".

Resistência a venenos e radiação:  devido a fisiologia kryptoniana,  Superman pode resistir aos efeitos de praticamente todos os venenos conhecidos e radiações,  exceto a radiação de kryptonita.

Super inteligência:  no Pré-Crise,  Kal-El era um talentoso inventor,  assim como seu verdadeiro pai,  Jor-El,  e havia criado os Super-Robôs,  o Supermóvel,  a liga metálica Supermanium,  o Supercomputador ,  entre outros.  Lembro bem do encontro de Superman e Homem-Aranha; o Aranha havia descoberto dados sobre a localização dum fenomeno,  em forma de coordenadas de meridianos (como fazem os navegadores e aviadores) .  Aranha:  Isso é África,  não? Superman:  Sim,  mais precisamente,  o Monte Kilimanjaro!

Super-memória:  Superman pode armazenar e processar vastas quantidades de informação em sua mente kryptoniana.  Ele pode falar praticamente todas as línguas da Terra,  devido as suas peregrinações e missões de salvamento através do mundo.  Certa vez,  quando Supermoça havia sido repelida no espaço além do alcance de sua visão,  ele usou a Supermemória para calcular a trajetória da prima.  No já citado episódio em que ele encontra Homem-Aranha,  ele consegue montar um computador peça por peça depois que este explodiu,  baseando-se somente no que lembrava ao te-lo visto com Visão Raio-X.

Sopro congelante:  capaz de congelar seres e objetos meramente com um sopro.

Suspensão dos sentidos:  já foi demonstrado duas vezes que Superman pode temporariamente suspender as batidas de seu coração e outras funções vitais,  parecendo morto.  A primeira vez foi na década de 40,  em que o herói fingiu-se de morto,  e o bandido,  certificando-se que seu coração não batia mais,  revelou segredos importantes.  Numa das últimas Super-Homem em formatinho da Abril,  o herói revelou que aprendera a habilidade com monges do Tibet,  e a usou para ludibriar um vilão que o chantageava a se matar para que este não matasse reféns.

Imortalidade:  É debatido se ele tem o poder.  Já foi visto em diversas revistas que a medida que Superman absorve energia do sol,  esta vai retardando seu envelhecimento.  Então,  em DC 1 Milhão,  ele ainda está vivo no séc.  853.  Na história pré-Crise,  "O Superman imortal",  o herói,  com milênios de existência,  lamenta que agora todos os seus amigos estavam mortos e ele só tinha como consolo fazer esculturas deles,  usando sua supermemória para lembrar das feições.  Entretanto,  na história O Reino do Amanhã,  que se passa 20 anos a frente do presente,  o Superman está mais poderoso,  mas envelhecido.  E já foi mostrado que Superman da Terra 2 envelhece segundo os padrões humanos.

 

Poderes banidos


        Estes poderes só foram usados na versão Pré-Crise do herói,  ou em filmes isolados,  e a versão dos quadrinhos (considerada pelos fãs como a "oficial")  não as possui mais ou nunca possuiu.

Raio psicocinético:  Esse poder consiste em emanar raios de luz pelas mãos que são capazes de ferir ou levantar pessoas e objetos.  Esse estranho poder aparece em Superman II onde Zod ergue um homem do chão apenas apontando o dedo.  E no final do filme os três supercriminosos usam o poder contra Superman que se defende com a mão e repele (e uma vez que todos eram kryptonianos,  podemos admitir que Superman também tivesse o poder,  mas não usou.  Aparentemente,  só existe na continuidade do filme.

Imagens múltiplas:  Superman usou este poder no filme Superman II.  Não se sabe ao certo se este era realmente um poder dele ou se ele usou algum dispositivo na Fortaleza da Solidão (a segunda opção parece mais viável) .  Ele criou imagens múltiplas de si mesmo a fim de confundir os 3 supercriminosos.

Raio reestruturador da matéria:  Superman usou este poder no filme Superman IV Em Busca da Paz.  Quando Homem-Nuclear destruiu a Muralha da China,  Superman emitiu um raio de seu dedo que reconstruiu toda parte destruída.  Aparentemente (e muito felizmente) ,  só existe na continuidade do filme.

Multiplicidade:  este poder foi mostrado num episódio da série de Superman dos anos 50,  com George Reeves como ator.  Superman pôde criar uma cópia de si mesmo,  mas cada cópia ficava com metade dos poderes:  uma tinha vôo,  outra tinha a superforça. . . . . .  Aparentemente,  só existiu na continuidade da série.

Regeneração:  este poder foi mostrado num episódio da série Lois e Clark,  onde Superman,  após ter sido extraída uma bala de kryptonita de seu corpo,  cicatriza o ferimento na hora.  Porém este mesmo fato acontece em Smallville e quem retira a bala de kryptonita são seus pais (Marta e Jonathan) ,  ocorre ai a mesma coisa,  seu peito direito se regenera na mesma hora.  Com isso podemos concluir que talvez esse poder não tenha sido banido do super-herói,  pois ele é usado somente quando o super é ferido com kryptonita e alguém a tira de perto dele.

Super-Ventriloquismo:  Superman só tinha este poder nos quadrinhos Pré-Crise:  ele podia projetar sua voz a grandes distâncias.  Certa vez,  quando ele trabalhava no jornal televisivo SGT Notícias,  ele hipnotizou Steve Lombardi a fim de que este pensasse ser Clark Kent,  e também disfarçou-o de Clark.  Depois ele partiu para uma luta com Solomon Grundy,  ao mesmo tempo em que usava Superventriloquismo para falar as notícias enquanto lutava,  de modo que sua voz fosse projetada no estúdio e fosse transmitida em cadeia nacional.

Hipnotismo:  No Pré-Crise,  os óculos de Superman tinham propriedades hipnóticas.  As pessoas que o vissem de óculos enxergavam uma pessoa bem mais acabada que ele como Superman.  A ilusão também aparecia em fotos e filmagens.  Esta era a explicação pré-Crise para o fato dele poder se disfarçar com um mero par de óculos,  a resposta era:  Não eram um mero par de óculos! Na verdade,  Clark teria,  ainda na adolescência,  confeccionado lentes com vidros Kryptonianos (indestrutíveis),  retirados da espaçonave que o trouxe à Terra,  pois em determinado momento de sua vida,  quando precisou usar a visão de calor,  usando óculos comuns,  estes derreteram.

 

O alter-ego


        Quando não está atuando como Super-Homem, Clark Kent trabalha como repórter no Planeta Diário, junto à Lois Lane, por quem é apaixonado.
 

Quando o gibi do Super-Homem chegou ao Brasil, o nome Clark foi mudado para Eduardo e o de Lois Lane para Mirian, o que foi corrigido após um tempo. O nome original Clark Kent foi alterado já nas primeiras histórias publicadas pela Ebal. Já Lois Lane só recebeu de volta seu nome original nos anos 80, após ser publicado no Brasil, pela editora Abril, o evento “Crise nas Infinitas Terras” (do qual a editora se aproveitou para fazer a mudança).

 

Superman ou Super-Homem?


        Para aqueles que leram as histórias do herói até alguns anos atrás, é estranho ver o nome Superman sendo utilizado, ao contrário da tradução a língua portuguesa, Super-Homem. Não há exatamente um consenso. Os DVDs do herói, por exemplo, trazem o nome "Superman" em suas caixas, o chamam de "Super-Homem" na dublagem em português e "Superman" nas legendas também em português. Já o desenho animado da década de 90 o chamava de "Super-Homem" enquanto em sua continuação direta, Liga da Justiça, ele virou novamente Superman.

Quando as primeiras histórias do personagem chegaram ao Brasil, nos anos 40 e 50, era comum a tradução e a adaptação dos nomes. Sendo assim, a escolha óbvia era Super-Homem. Entretanto, após várias décadas, a globalização mostrou que ter um nome diferente do país originário do personagem pode ser muito prejudicial financeiramente.

Isso acontece porque bonecos, camisas e outros objetos promocionais são fabricados normalmente em apenas um país (a China, por exemplo) e depois exportados ao mundo todo e, na embalagem, consta o nome original do personagem. Quando o produto chega a um país onde esse nome é diferente, o importador se vê obrigada a gastar ainda mais dinheiro em novas embalagens e adaptações.

Foi por esse motivo que na versão brasileira da série As Novas Aventuras do Superman o nome do super-herói não foi traduzido. Preferiu-se utilizar Superman ao invés de Super-Homem. Com o sucesso da série, o nome Superman se tornou usual entre os fãs. Assim a Editora Abril, que era a responsável pelas histórias em quadrinhos do personagem no Brasil, aproveitou a oportunidade e começou a usar a versão em inglês.

Algo parecido já havia acontecido nos anos 80 dentro do universo do Superman. Desde as primeiras histórias no Brasil o nome de Lois Lane era adaptado como Miriam Lane. A Editora Abril aproveitou os acontecimento da Crise nas Infinitas Terras, em 1987, para poder finalmente grafar o nome da forma original.

 

Kal-el


        Filho de Jor-el e Lara-el, Kal-el é o último sobrevivente do planeta Krypton.

Ao descobrir problemas na estrutura de Krypton, Jor-el, um renomado cientista, enviou seu filho ao planeta Terra em uma nave espacial que o protegeria. Chegando à Terra, Kal-el foi adotado pelo casal de fazendeiros Jonathan e Martha Kent, que desconheciam sua origem e o deram o nome de Clark Kent.

Sendo exposto ao sol amarelo, Kal-el foi se tornando mais forte e ganhando poderes extraordinários, como super força, visão de raios-x, visão de calor, super velocidade e outros.

Quando adulto, Kal-el (mais conhecido como Clark Kent) mudou-se para Metrópolis e tornou-se o Super-Homem, utilizando seus poderes para o bem da humanidade.

Existe uma teoria publicada em uma das revistas da DC Comics nos EUA de que o planeta Krypton seria na verdade o próprio planeta Terra, porém milhares de anos no futuro. Jor-el descobrindo que o planeta explodiria por motivos da exploração desorganizada de seus recursos através da altíssima tecnologia, enviou seu filho Kal-el para o passado afim de se tentar alterar esse futuro. O Sol vermelho de Krypton seria o nosso próprio Sol envelhecido, o que é hoje cientificamente aceito (sabemos que um Sol como o nosso em seu processo de envelhecimento se torna um "gigante vermelho" antes de morrer). Há também referências que dizem, segundo essa teoria, de que Jor-el é descendente de Lex Luthor e que em milhares de anos a variação do nome Lex Luthor chegou ao ponto de junção do nome Jor, concluindo o nome Jor-el, conseqüentemente o mesmo se aplica a Kal-el.
 

Kryptonita


 

A Kryptonita é formada de fragmentos radioativos de Krypton, o planeta natal do Super-Homem.

Na Era de Prata, havia vários tipos diferentes de kryptonita:

 

  • Verde - a mais comum, é letal para o Super-Homem, e reduz seus poderes enquanto está em contato com ela.

  • Vermelha - causa uma de muitas mutações imprevisíveis em nível físico e mental: pode alterar as emoções do Super-Homem, fazê-lo criar 2 braços extra, torna-lo um anão, um gigante, um dragão, uma criança, separá-lo num Superman mau e um Clark Kent bondoso e sem poderes, dividi-lo em um Superman azul e outro vermelho, torna-lo muito gordo, torna-lo muito cabeludo e barbudo, fazê-lo ficar com cabeça de formiga, fazê-lo incapaz de dizer qualquer coisa sem ser em kryptonês, fazê-lo amnésico, fazê-lo perder a invulnerabilidade na parte esquerda do corpo, etc. Os efeitos duram de 24 a 48 horas, e nunca se repete um mesmo efeito. Aparentemente, cada pedaço de kryptonita vermelha só podia afetar um kryptoniano uma única vez, necessitando outro pedaço para um novo efeito (mas que nunca seria o mesmo)

  • Azul - Letal para Bizarro, mas cura efeitos de outras kryptonitas em Superman (exceto a dourada).

  • Branca - Letal para a vida vegetal.

  • Anti-kryptonita: similar a verde, ela se formou no solo de Argo City, cidade kryptoniana da Supermoça.

  • kryptonita X: verde, dá poderes a humanos normais. Temporário, mas pode ser feito permanente.

  • Dourada - o mais raro isótopo de kryptonita, elimina PERMANENTEMENTE os poderes de kryptonianos a menor exposição, bem como qualquer possibilidade de vir a desenvolve-los. Nem mesmo a kryptonita X ou a azul pode devolvê-los. (felizmente, nas histórias oficiais Superman nunca se expôs a ela, ou seria o fim do Homem de Aço...).

  • kryptonita jóia: criada pelo interno da Zona Fantasma Jax-Ur, esta não é realmente kryptonita, nem mesmo radioativa. Esta pedra permite aos internos da Zona Fantasma a poder influenciar o mundo fora da Zona. Eles podem focalizar suas forças de vontade na pedra a fim de criar os efeitos de poderes mentais que afetam seres e objetos na Terra, como hipnose, rajadas mentais, rajadas psicocinéticas, ilusões e controle mental.

 

Após a Crise nas Infinitas Terras, o Super-Homem ganhou uma nova origem onde existia apenas um tipo de kryptonita: a verde.

Na Série Smallville que conta a historia do Superman enquanto jovem, existem alguns tipos de kryptonita:

 

  • Verde - letal para o Superman

  • Vermelha - faz o lado negro de superman aflorar

  • Preta - divide (ou une) o Superman

  • Prateada - deixa Superman paranóico.

 

Amigos


Lois Lane, durante muito tempo grande paixão de Clark Kent/Superman, depois namorada e atualmente esposa. Repórter do Planeta Diário e autora de diversos livros, é bastante independente e charmosa.
Jonathan Kent e Martha Kent, pais adotivos do Superman.
Perry White, editor do Planeta Diário e principal referência de Clark Kent no jornalismo.
Lana Lang, a primeira namorada de Clark Kent, posteriormente casada com um amigo do herói na adolescência, Pete Ross.
Pete Ross, melhor amigo de Clark Kent, na série televisiva americana Smallville.
Lori Lemaris, sereia vinda de Atlântis, paixão de Clark Kent no período em que era universitário.
Inspetor Henderson, chefe de polícia de Metrópolis.
Professor Hamilton, cientista que constantemente ajuda o Superman.
Maggy Sawyer, integrante da Divisão de Crimes Especiais de Metrópolis.
Ben Turpin, integrante da Divisão de Crimes Especiais de Metrópolis.
Jimmy Olsen, ex-reporter do Planeta Diário, atuamente repórter de televisão; melhor amigo de Clark Kent.
Bibbo, amigo do Superman, dono do bar Ás de Paus.
Aço (John Henry Irons), quando o Superman morreu, ele criou uma armadura de aço para combater o mal.
Supergirl, sua prima, Kara Zor-El, sobrinha de Jor-El.
Superboy, Conner Kent, descobriu recentemente que não era um clone de Paul Westifield, mas sim de Lex Luthor. Conner ( ou Kon-el ) descobriu que 50% de seus genes são oriundos do pior e mais antigo inimigo de Superman.
Krypto, o supercão.
Professor Phineas Potter.
Chefe de Polícia Douglas Parker.
Liga da Justiça, equipe de super-heróis da Terra liderada pelo Superman.

 

Inimigos


Lex Luthor, milionário e genial empresário, tornou-se presidente dos EUA no universo DC, e é eterno arqui-inimigo do Superman.
Apocalypse, monstro que supostamente matou o Superman.
Brainiac, vilão com inteligência cibernética.
Darkseid, governante supremo de Apokolips, o novo deus é um dos mais poderosos inimigos.
Superciborgue, meio máquina e meio terráqueo, Hank Henshaw é um inimigo que manipula as máquinas ao seu redor.
Amazo, andróide que pode copiar os poderes do adversário apenas entrando em contato com eles.
Metallo, robô movido a Kryptonita com a mente do criminoso John Corben criado por Lex Luthor.
Mr. Mxyzptlk, criatura da quinta dimensão que se diverte em jogar com o Superman.
Toyman, o mestre dos brinquedos Winslow Schott, um cientista cuja criações baseadas em brincadeiras tem poder mortal.
Parasita, Rudy Jones é um ser que absorve a energia vital dos seres vivos.
Intergang, organização criminosa comandada por Morgan Edge e manipulada por DeSaad, de Apokolips.
Bizarro, cópia imperfeita do Superman.
Mongul, ex-rei do planeta das batalhas.
Preus
Ultraman
Gog
Imperiex
General Zod
Criminosos da Zona Fantasma
Ruína

 

Outros meios

 

Em 1948, o Super-Homem estrelou um seriado para cinema, interpretado por Kirk Alyn.
Entre 1952 e 1957, havia um seriado de televisão, estrelado por George Reeves, que só terminou com a morte dele.
Em 1978, foi lançado Superman, O Filme, estrelado por Christopher Reeve. Fez muito sucesso, e teve 4 continuações, Superman II em 1980, Superman III em 1983, Superman IV em 1986 e Superman, o retorno em 2006, estrelado por Brandon Routh e dirigido por Bryan Singer.
Em 2001, foi lançado o seriado Smallville, que conta a adolescência de Clark, interpretado por Tom Welling. Atualmente está indo para sua 6ª temporada.

 

Texto modificado pela última vez a 22:43, 23 Dezembro 2006.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/


 

topo

 

_voltar